PARTILHAR

Caros leitores,
Quando este número chegar às vossas mãos parte da nossa equipa, bem como alguns dos especialistas das áreas da SST, estará em terras de Vera Cruz, mais propriamente no Rio de Janeiro, para o II Congresso Luso Brasileiro de Segurança e Saúde Ocupacional e Ambiental. Uma comitiva de cerca de 40 pessoas que querem partilhar e aprender o que aquém e além-mar se está a fazer em prol da PREVENÇÃO, Segurança e Saúde no Trabalho em qualquer área.
Cerca de 80 artigos foram apresentados para este congresso, alguns ficarão pelo caminho não que sejam menos bons, mas sim para serem melhorados e quem sabe até poderem ser posteriormente publicados na nossa revista “segurança”, são todos bem-vindos “quem vier por bem”, já dizia o poeta.
Mas nada disto poderia acontecer se não houvessem por trás apoios de Altas Entidades Brasileiras. Do Conselho Técnico e Científico do Brasil, Alexandre Mosca, Sherique, Sadalla, Ludmila e outros, a revista Proteção, nossa grande parceira com o Alexandre Gusmão à frente e a trabalhar lá dando indicações para cá para que este grande Congresso (que poderemos contar sem errar muito com cerca de meio milhar de participantes) se pusesse de pé e seja já um SUCESSO!
De Portugal o apoio incondicional que o Professor Doutor Carlos Gomes de Oliveira me deu em relação à distribuição dos cerca de 80 trabalhos que vieram para Portugal, para que um conjunto de 25 especialistas os revejam sob o sistema de revisão brasileira, o meu BEM HAJA a todos.
Ainda em Portugal o MAIOR APOIO a este projeto foi o da OET – Ordem dos Engenheiros Técnicos, a única entidade que desde o primeiro minuto não hesitou em colaborar. Ao Senhor Bastonário Augusto Ferreira Guedes a revista “segurança” vem agradecer em nome deste Congresso o seu empenho, colaboração, disponibilidade e querer em partilhar não só cá dentro, mas também lá fora o que a OET, que o Senhor tão bem dirige, faz e continua a fazer, nunca baixando os braços e aqui também à sua fantástica equipa, em particular ao Sr. Engº António Lousada, o nosso MUITO OBRIGADO.
O legado que o Engenheiro Evaldo Valladão começou em Coimbra que vai passar pelo Rio de Janeiro e seguirá para Cabo Verde depois para Luanda e depois…, está no bom caminho e a revista “segurança” estará ao seu lado fazendo jus a esta grande MISSÃO que é a de levar a todos os Países de língua oficial portuguesa o melhor que cada um de nós tem para poder dar em prol da melhoria das Condições de Trabalho, Segurança, Saúde e Ambiente.
É com este espírito e também com esta MISSÃO que a revista “segurança” existe há mais de meio século, partilhar consigo e com todos para que o mundo da PREVENÇÃO aconteça e que Portugal deixe de brincar ao “faz de conta” e olhe com olhos de ver o que está a acontecer em cada local de trabalho e em cada empresa. Deixemo-nos de “fantochadas”
Uma nota final, férias, sol, praia, incêndios, festas nas aldeias, estrada… PREVENÇÃO e BOAS FÉRIAS em “segurança”.

DEIXE UM COMENTÁRIO